Simplicidade é o resultado da priorização. As melhores medidas de simplificação estão agressivamente focadas nas coisas que as pessoas realmente precisam. Logo, o primeiro passo é desenvolver uma visão realista da base de clientes que você têm (ou deseja ter) e o que importa para eles. Você também pode racionalizar suas exigências propositadamente de modo à obter uma base de clientes mais direcionada.

As coisas que importam se garantem por ser um subconjunto do que sua base total de clientes pede. Funcionalidades adicionais não vão desmerecer a simplicidade da experiência, mas certamente comprometerão prioridades e implementações.

Embora o melhor método de simplificação provavelmente esteja no redesenho de ponta-a-ponta de um layout, há várias outras coisas que podem ser feitas para reestruturar uma interface existente:

  • Remova recursos. Quanto mais funcionalidades você tiver, mais complexo será a entrega do resultado final;
  • Esconda características. Use menus, guias, menus suspensos etc., para disponibilizar as funções disponíveis, mas não tão bem vistas na tela até que seja realmente necessárias;
  • Organize suas opções. Compacte todo o conteúdo de um mesmo nicho sob um mesmo local (no caso, uma página ou post);
  • Alinhe o modelo mental do usuário com o modelo conceitual do produto. Quanto mais você fizer isso, mais simples tudo vai parecer;
  • Torne cada decisão, visível. Ao invés de esconder todas as suas escolhas sob um menu suspenso, por exemplo, mostre todos eles;
  • Por outro lado, esconder algumas opções (se já existem muitas escolhidas) pode ser necessária. Sem problemas;
  • Personalizar o layout a seu gosto modo pode ser bastante divertido, mas use escalas de cores mais frequentemente utilizadas;
  • Padrões inteligentes. Tenha-os sempre à disposição;
  • Faça atalhos para as ações mais utilizadas no produto;
  • Distribua funcionalidades para a plataforma certa. Decida onde ela deve, logicamente, ser implantada. Dispositivo móvel, desktop, web. Não ‘empina’ tudo em uma plataforma só a não ser que veja sentido em fazê-lo.

[Por Julie Meridian / Dan Saffer – Quora.com]

Sorteio #001

Gostou do Acervo? Ajude-nos a crescer! Curta a nossa página no Facebook. De quebra você concorrerá ao sorteio de uma linda camiseta com o igualmente lindo Albert Einstein estampado nela. Não satisfeito? Final do ano têm sorteio de um telescópio amador!

 

 

Só curtir!


COMPARTILHE O POST COM SEUS AMIGOS! 😉

Comentários

comentários

Sobre o Autor

Gabriel Pietro têm 18 anos, é Web Designer e Redator do Acervo Ciência, escrevendo diariamente para o site. Já bancou uma de técnico de informática, e ainda banca de astrônomo amador, sua maior paixão. Atualmente gradua-se no curso de Gestão da Informação, na Universidade Federal de Uberlândia, que não sabe se é de exatas ou de humanas. Assim como ele. Também é aficionado por cinema, comics, política, economia, tretas e música indie. Bata tudo isso no liquidificador e tente entender sua cabeça.